Você já atingiu o ápice do prazer na cama? Se a resposta for sim, tem mais que um só motivo para comemorar. Uma pesquisa revelou que 8% dos homens e 5% das mulheres nunca atingiram o orgasmo. O estudo, divulgado pelo Sexlog.com, maior rede social adulta da América Latina, traçou os principais hábitos dos brasileiros "entre quatro paredes". Os dados foram revelados para celebrar o Dia do Orgasmo, comemorado nesta segunda-feira (31). Ficou curioso para saber mais sobre o assunto? Confira abaixo!

Conforme o site, 30% dos brasileiros já fingiram orgasmo para agradar o parceiro. Os motivos para não chegar lá: falta de química ou cansaço. Alguns desses até chegaram a gozar, mas não se sentiram totalmente satisfeitos após a transa.

Para 17% dos homens, a forma mais fácil de chegar ao orgasmo foi no sexo oral. Já para 29% das mulheres, o estímulo com as mãos é mais poderoso. Agora, sabe o que mais broxa ambos? Falta de higiene e mau cheiro!

Prazer absoluto

A pesquisa mostrou ainda que 56% das pessoas tiveram o primeiro orgasmo com menos de 15 anos. Mas chegar lá não é tudo para 51% dos adultos entre 30 e 40 anos. Eles acham que o sexo pode ser legal mesmo sem chegar ao ápice. Uma das reações dos brasileiros que tiveram o primeiro orgasmo com mais de 30 anos (68,7%) foi sentir o coração disparar.

De acordo com o Sexlog.com, 33% dos brasileiros aprovam transar de lado e, nesta posição, chegaram ao ápice três vezes em uma mesma relação sexual. A posição por trás foi a que proporcionou mais orgasmos para 1,2% da população.

Veja como se comporta o mineiro entre quatro paredes: