Mais de 10 mil pessoas acessaram o perfil no Facebook da agente Edvânia Nayara, de 23 anos, após a circulação do vídeo, nesse fim de semana, em que ela aparece sendo agredida em um clube recreativo de Três Corações, no interior de Minas Gerais. Vários usuários classificaram o agressor como "covarde" e "vagabundo". Também foram criados alguns perfis e páginas de apoio à mulher agredida com frases do tipo "não se cale".

No fim da noite desse domingo (18), a agente postou: "Gente foi excluída minha publicação e o vídeo falando sobre o agressor. Mas graças a Deus e a todos vocês que me ajudaram a compartilhar, o vídeo chegou em mãos boas que me ajudarão a resolver e a solucionar todo esse acontecimento. A única notícia boa que tenho pra dar pra vocês é que o agressor está preso. Mas continuem compartilhando para que outras mulheres não passem por isso e  que tenham coragem de denunciar os agressores". 

O vídeo da agressão mostra o homem discutindo com a agente e dando um tapa no rosto dela. Em seguida, ele a derruba no chão e chuta o corpo da mulher de 23 anos. A gravação feita no sábado (17) foi postada por Edvânia no facebook, que declarou: "Fui vítima de um vagabundo que bateu na mulher dele DELEGADA ANA PAULA , que eu fui ajudar; ela nem se quer tava ali pra me defender ou falar alguma coisa do tipo. Mas eu tenho minha consciência limpa que mesmo saindo na pior eu fiz o que era certo no momento", escreveu.

Ao ser agredida, a esposa do homem teria jogado a chave do carro para Edvânia e o homem foi tentar recuperar o objeto. Outro agente do clube é visto no vídeo tentando apaziguar a situação. De acordo com a Polícia Civil, além da esposa e da vigilante, o homem ainda agrediu um senhor. 

O órgão afirma que o agressor foi preso em flagrante. Foi instaurado um inquérito para investigar o caso. Em 2007, o rapaz já havia sido preso, acusado de homicídio, tráfico de drogas e formação de quadrilha. Ele respondia em liberdade.

Leia mais:
Marido de delegada agride funcionária de clube violentamente com tapa e chute; veja vídeo