Minas Gerais registrou 19.784 casos prováveis de dengue só este ano. Desses, um caso veio a óbito e outros dezessete seguem em investigação. Segundo boletim da Secretaria de Estado de Saúde divulgado nesta quarta-feira (12),  atualmente, 29 municípios estão em situação de risco para ocorrência de surto e 78 estão em situação de alerta. 

Em outubro de 2016, o Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypt (LIRAa) foi realizado em 137 municípios de Minas Gerais. Sete municípios apresentaram índices de infestação predial (IIP) superiores a 3,9%, ou seja, estavam em situação de risco para ocorrência de surto.

LIRAa é o mapeamento rápido dos índices de infestação por Aedes aegypti. Permite a identificação dos criadouros predominantes e a situação de infestação do município. Indices até 1% indicam condições satisfatórias, entre 1% e 3,9%, situação de alerta e índices superiores a 4%, risco de surto.

Ainda segundo a SES-MG, entre os dias cinco de março e primeiro de abril, sete municípios se destacaram por estarem com alta incidência de casos prováveis da doença. São eles: Turmalina, Medina, Três Corações, Brasília de Minas, Divino das Laranjeiras, Porteirinha e Campanário.

Até o momento, foram testadas 10.897 amostras para dengue, das quais 1.313 (20,7%) tiveram resultado positivo ou reagente. Dos 853 municípios de Minas Gerais, 561 (65,7%) enviaram amostras para realizar testes de dengue e 199 municípios tiveram pelo menos uma amostra positiva.

Chikungunya e Zika

Em relação à Febre Chikungunya, Minas Gerais tem 7.193 casos prováveis da doença até agora. Dez óbitos suspeitos pela doença estão em investigação. Já com relação à febre pelo Zika Vírus, são 541 casos prováveis no estado em 2017.

Para diagnóstico de Chikungunya, foram encaminhadas 4.161 amostras para análise, sendo 1.216 (54,6%) reagentes ou positivas. Dos 188 municípios que enviaram amostras para realizar teste de chikungunya, 81 tiveram pelo menos uma amostra positiva. 

Para diagnóstico de Zika, foram encaminhadas 637 amostras, das quais 128 foram positivas. Dos 63 municípios que enviaram amostras, 30 municípios tiveram pelo menos uma amostra positiva.

Fonte: SES-MG

Leia mais:

Levantamento mostra quantidade preocupante de larvas de Aedes em três regiões e deixa BH em alerta
Minas registra 11 vítimas do Aedes por hora; casos tendem a crescer em abril