Imagens divulgadas pelas redes sociais chocaram os seguidores de uma jovem mineira, que mora em Belo Horizonte. Um vídeo gravado pela moça mostra um homem esfregando a região genital dentro de um voo da operadora Avianca que ia da capital mineira para São Paulo no último domingo (11). Segundo relatos da cabeleireira Vitória Antunes, de 22 anos, o homem esperou as portas do avião fecharem para trocar de lugar e se sentar ao lado dela ao notar que o assento estava vago. Então, começou a se tocar.

jovem

Vitória usou as redes sociais para denunciar o assédio

Revoltada com a situação, Vitória não só gravou a cena como também denunciou o passageiro à tripulação. "Já vamos desembarcar”, disse um dos comissários tentando acalmar a jovem.  A ela, foi dada a opção de trocar de lugar. "Não aceitei. Aquele era meu lugar, ele que tinha que sair. Aí o comissário de bordo perguntou, de forma super gentil, se ele queria sair dali, e ele negou", contou.

Ao descer do voo, Vitória procurou a equipe de solo, que sugeriu uma "reclamação formal". Foi dito que a empresa tem até cinco dias para encontrar em contato. 

Crime

Em casos como este, a orientação da polícia é que a vítima registre boletim de ocorrência, se possível com provas como fotos e filmagens que possam identificar o autor.

A classificação quanto ao tipo de crime cometido depende da interpretação do delegado que recebe o caso. “Pode qualificar como assédio sexual, atentado violento ao pudor ou importunação ofensiva. Isso dependerá da avaliação do delegado”, explica o especialista em segurança pública Islande Batista.

Repercussão

Revoltadas com a condução do caso, milhares de mulheres usaram as redes sociais para cobrar da Avianca um posicionamento formal. Com publicações do tipo ‘mexeu com uma mexeu com todas’ e ‘não ao assédio feminino’, milhares de comentários invadiram o perfil da operadora.

Para Vitória, o resultado da exposição nas redes foi positivo. "Vejo isso acontecendo todo dia, com várias mulheres. Não achei que ia passar por isso. Ver o alcance dos vídeos foi bom para mostrar que tenho apoio, pelo menos fora do avião. Estou recebendo várias mensagens no Instagram, inclusive de desconhecidos", disse a jovem, que pretender registrar boletim de ocorrência.

Jovem denuncia assédio sexual em voo de BH para São Paulo

Em nota enviada à equipe do jornal Hoje em Dia, a Avianca informou que apura os fatos e que tomará as medidas cabíveis. A companhia reforçou que repudia qualquer ato inadequado dentro dos voos, mas não respondeu aos questionamentos do jornal  sobre ações contra o assédio e as orientações dadas à tripulação de como agir em casos do tipo.

Assista ao vídeo: