A Polícia Civil prendeu, nessa segunda-feira (19), Raimundo Antônio Batista de Brito, 26 anos, suspeito de roubar duas casas de repouso em Belo Horizonte.

Os crimes foram nos dias 7 e 13 de novembro. O suspeito e um adolescente, ainda não identificado, teriam invadido as casas e, armados, ameaçaram pacientes e funcionários para roubar dinheiro e objetos das vítimas.

Durante as investigações, ficou comprovado que Lívia da Silva Bovozi, 30 anos, uma cuidadora que trabalhava em uma das casas, teria ajudado no esquema.

Os suspeitos tinham informações sobre nomes de pacientes e sobre a rotina das casas terapêuticas. O carro da suspeita chegou a ser utilizado em um dos crimes.