Quatro pessoas foram presas suspeitas de atacarem uma agência bancária em Rio Pardo de Minas, na região Norte do Estado, na madrugada desta quinta-feira (8). Uma mulher fazia parte do grupo.

De acordo com a Polícia Militar, aproximadamente 15 pessoas, fortemente armadas, atacaram a agência do Banco do Brasil no município. Se dividiram em três grupos, sendo que o primeiro ficou atirando em volta do quartel, o segundo monitorando as casas dos policiais na região, enquanto o restante da quadrilha explodia a agência bancária. A ação simultânea durou 45 minutos.
 

Três homens e uma mulher, suspeitos de participação no ataque, foram presos com grande quantia em dinheiro


A quadrilha fugiu em carros e motocicletas por uma estrada vicinal que dá acesso a várias cidades da região. Após rastreamento, parte do grupo foi capturado na MG-404, que liga as cidades de Taiobeiras e Salinas.

No veículo, os militares apreenderam várias cédulas de dinheiro, mas o valor não foi divulgado. Ainda de acordo com a polícia, os suspeitos negaram a participação no ataque ao estabelecimento bancário, mas não souberam explicar a origem do dinheiro.

O veículo e o dinheiro foram encaminhados à delegacia de Rio Pardo de Minas, junto com os suspeitos.