Seu carro estragou, precisa de reboque e não tem seguro? Está sem o cartão do serviço de reboque ou sua concessionária não lhe atenderá 24 horas? Foi pensando em situações como essas que a startup mineira Reboque.me criou um aplicativo para smartphone para ajudar o motorista em apuros a conseguir um reboque na hora do aperto.

Disponível para Android e IOS, o app é gratuito e não cobra mensalidade. Ou seja, você só paga quando precisar chamar um reboque e será cobrado apenas pelo serviço contratado. A plataforma foi lançada em julho de 2015 e até o momento já teve mais de 2 mil downloads e conta com mais de 400 parceiros em sua base de dados.  Além dos serviços de reboque, o aplicativo também oferece troca de pneus, carga de bateria e de combustível.

“Percebi que o serviço de assistência 24h, quando oferecido na sua forma tradicional, não atendia as necessidades e exigências dos padrões de hoje. Vivemos em um mundo cada vez mais conectado, por que não usar a tecnologia para oferecer um serviço rápido, seguro e mais barato a esses motoristas?”, revela Samuel Freire, fundador da startup e analista de sistemas pós-graduado em tecnologia.

Público

Segundo dados da Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg), mais de 70% da frota de veículos brasileiros não possuem seguro. Isso representa cerca de 60 milhões de carros que circulam pelas estradas brasileiras sem a cobertura de uma seguradora. Com base nesses números, estima-se que a indústria de serviços de guincho de veículos movimenta aproximadamente R$5,5 bilhões por ano no Brasil.

O funcionamento do aplicativo é bem simples: o cliente aciona o serviço que deseja pela plataforma, após um simples cadastro. O aplicativo envia o valor do serviço e o tempo que o parceiro levará para chegar. A reboque.me disponibiliza em um mapa todo o trajeto do guincho até o cliente, que pode checar que o socorro está a caminho, tudo em tempo real. O preço varia de acordo com a distância entre o guincheiro, cliente e destino final.

“Garantimos a segurança do início ao fim do atendimento, pois conhecemos o parceiro que irá até o cliente. Além disso, o cliente acompanha o trajeto do reboque. Caso esteja em alguma área de risco, ele pode procurar um local mais seguro e só retornar ao carro quando o guincheiro estiver chegando”, explica Samuel.

Mauricio Terra, sócio da reboque.me e mestre em administração com formação executiva na Wharton Business School, revela que o tempo de espera é mais uma vantagem para quem está com o carro enguiçado. “Ressaltamos que 80% dos nossos atendimentos têm uma solução apresentada em menos de 3 minutos. O cliente aciona o serviço e já recebe preço e tempo de espera neste curto intervalo de tempo. Em muitos casos, o guincheiro chegará ao carro em até 10 minutos”, explica Mauricio Terra.