Um homem apontado como um dos principais traficantes da Pedreira Prado Lopes, região Noroeste de Belo Horizonte, morreu na noite de sexta-feira (2) após uma perseguição policial. Ele estava em um Uno, com mais duas pessoas, e bateu o veículo em uma árvore, no bairro Santo André. Através de denúncias anônimas, a Polícia Militar chegou até a casa onde o homem vivia e encontrou cerca de 200 quilos de droga.

Uma testemunha, que pediu para não ser identificada, disse que a movimentação policial na região foi grande com auxilio de um helicóptero da PM. “Tinha muito policial por aqui. Tomara que a região fique mais segura”.
 
O nome do traficante não foi divulgado pela polícia. As duas pessoas que estavam com ele, uma mulher de 22 anos e um homem de 37, que também teriam envolvimento com o tráfico de drogas na região, ficaram feridos no acidente e foram levados em estado grave para o Hospital Pronto-Socorro João XXIII.

Nas casas dos suspeitos os militares encontraram maconha, cocaína e crack, todas prontas para vendas. Inicialmente a polícia contabilizou que ao todo foram apreendidas 200 quilos do entorpecentes, mas somente a perícia poderá dizer com precisão a quantidade encontrada.