A oportunidade de montar um negócio ou renovar o mobiliário de mercados será neste sábado (7), quando o Bolsa de Leilões venderá desde gôndolas a mostruário de vegetais, forno elétrico para pães e bolos, expositor de carnes, balcão e freezer, dentre outros.

Além disso, também serão leiloados produtos como papel higiênico, chinelos, sandálias biscoitos, molhos, sucos e fraldas, entre outros. Tudo o que será leiloado vem de uma loja do supermercado Epa que foi fechada.

Tudo pode ser adquirido com até 70% de desconto. Outros produtos também serão leiloados, como panelas, material de construção (acabamento) e eletrônicos.

O leiloeiro Rodrigo Garzon afirma que a procura pelos leilões tem aumentado significativamente nos últimos anos, já que as pessoas estão em busca de produtos de qualidade com preço baixo.

“Começou mesmo a aumentar há seis anos, quando as lojas estavam vendendo demais, e tinham muito estoque. Depois, com a crise, o crescimento se manteve, já que as pessoas estão buscando melhores preços. Agora, a classe média também está vindo aos leilões, por causa das oportunidades de preço”, avalia.

Para participar como comprador, basta que o candidato realize seu cadastro no site www.bolsadeleiloes.com.br para ser habilitado a participar do leilão. Após o arremate, o mesmo tem até cinco dias úteis, após o leilão, para efetuar o pagamento e retirar o(s) lote(s) arrematado(s). A Bolsa de Leilões faz todo o trâmite financeiro, o que
leva uma média de 7 dias após a realização do pregão.


Serviço:
Próximo leilão: 7/10 (sábado)
Endereço: Anel Rodoviário, 3713, bairro Bonsucesso (sentido Rio de Janeiro)
Como funciona: visitações para os leilões presenciais: sextas-feiras, das 8h30 às 17h. Aos sábados, a empresa é aberta às 8h e os leilões acontecem às 10h. Para o leilão presencial, não é preciso fazer cadastro prévio. 
Telefone: (31) 3422-6739
Site:  www.bolsadeleiloes.com.br