Brioche com queijo cheddar, bacon de costela com gruyère ou presunto de Parma com maionese de manjericão. Tudo isso acompanhado por uma suculenta carne de hambúrguer, claro! Quem nunca imaginou combinações como essas pode preparar o paladar para um festival de deliciosas invencionices, que desembarcam em Belo Horizonte a partir da próxima sexta-feira. 

A capital mundial dos botecos é uma das quatro cidades brasileiras que recebem, simultaneamente, a primeira edição do ano do Burger Fest. Realizado há seis anos em localidades escolhidas a dedo para dar cara nova à receita popularizada pelo McDonald’s, o evento tem como premissa estimular a criatividade.

“Queremos ampliar o paladar e propor novas experiências de sabores”, reforça a idealizadora e realizadora do festival, Kelly Lobos, de São Paulo.

Somente em BH serão 21 estabelecimentos participantes, dentre prestigiados restaurantes, como o Alma Chef, no bairro de Lourdes, e estabelecimentos mais jovens, digamos, como a Bronx Burger, na região da Savassi, e o Nevermind Pub, no Prado, ambos inaugurados este ano. 

Apesar do menu diversificado, já que os estabelecimentos têm total liberdade para criar as receitas, esse ano o ponto em comum entre as casas é a aposta certeira na qualidade dos pães – a maioria deles criado nas próprias casas.

“O festival é uma espécie de vitrine para o mercado de hambúrgueres no Brasil. A ideia é mostrar o que é tendência e o que vem acontecendo não só aqui, mas no resto do mundo. Essa edição mostra uma tendência forte na fabricação caseira da massa do pão. É uma ideia muito bacana”, afirma Kelly Lobos.

Festival de hambúrguer em BH

THE TASTE BURGER – brioche, maionese defumada, alface, blend de carnes, queijo prato, bacon, ovo estrelado com parmesão ralado, farofa de bacon e salsa

Evento acontece em BH, São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre e vai de 12 a 28 de maio; festival reúne cerca de 150 endereços e contempla mais de 200 receitas exclusivas

Democrático, menu tem receita mineira e até sanduíche vegano

Quem não gosta ou não come carne ou ainda torce o nariz para “gordices” como maionese, bacon e ovo frito pode ficar despreocupado. Tem lugar para todos nas mesas mais do que democráticas dos estabelecimentos de BH. Há opção até para quem não consome produtos de origem animal, caso do BocalibrE, na zona Sul, que criou uma receita mais magrinha. 

Vegano de 2003 a 2007, o chef de cozinha e sócio-proprietário da casa, Pedro Reis, preparou uma receita que pudesse ser saboreada por todos. The Pilot, como foi batizado, tem “carne” de lentilha com aveia, chips de banana e saladinha de broto de alfafa. “O desejo da casa é oferecer comida boa. E, apesar de ser um prato vegano, queremos quebrar esse paradigma”, reforça o chef. 

Mineirinho

Apaixonados pela boa e velha cozinha mineira também têm espaço cativo no balcão da N.Y. Burger & Drinkeria. A casa na região da Pampulha participa do festival com um “PF no pão de sal”. Elaborado pelo chef Jackes Martins, dono do estabelecimento, o Mineiríssimo leva toucinho de barriga, ovo mole, queijo minas e couve crisp. Prato para mineiro nenhum botar defeito. 

Já os fãs da cozinha clássica podem se apaixonar pela combinação mais refinada do sanduba do Bar do Convés, que fica no Guaja Café-Coworking. JK é uma releitura do tradicional prato italiano risoto milanês com ossobuco. “Assim como fizemos outras vezes, pegamos um prato da cozinha clássica e adaptamos para caber em um hambúrguer”, explica o chef Pedro Mendes. Na receita vai açafrão, tutano e pepperoni.

Festival de hambúrguer em BH

 

Confira galeria com todas as receitas e fotos dos hambúrgueres participantes: