Anater fortalece agricultura familiar

Opinião / 28/02/2018 - 06h00

Zé Silva

Realizamos seminários em todas as regiões brasileiras com o propósito de trocar ideias e reflexões sobre os rumos da extensão rural. E podemos ver em todo o país que a Anater – Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural vem cada vez mais fortalecendo seu apoio aos serviços da extensão rural. E ressalte-se que, embora tenha sido criada em 2013, somente há pouco mais de um ano a agência iniciou efetivamente suas atividades.

Hoje, a Anater está investindo recursos da ordem de R$ 50 milhões em projetos de apoio e assistência técnica para milhares de famílias rurais em 11 estados, destacando-se nessas ações os processos de formação de extensionistas em todo o Brasil. Com isso, as entidades de extensão rural podem redirecionar recursos orçamentários para outras áreas e ações de fortalecimento empresarial, uma vez que a Anater inaugurou uma nova relação federativa entre União e Estados, em que o termo de parceria para repasses de recursos é por serviços prestados, e não através de convênios morosos e burocráticos.

Assim, as ações fortalecem principalmente as entidades estatais, que têm suas fontes de recursos nos governos federal e estaduais e, em alguns casos, como em Minas, com a participação expressiva dos municípios.

Portanto, a atuação da Anater, sobretudo em seu papel de coordenação nacional, é fundamental para assegurar mais qualidade e eficácia  desses serviços. Entretanto, é preciso avançar muito mais nas  funções e organização para assegurar mais recursos e ações de sustentabilidade.

Assim,  defendo garantir a gestão e coordenação dos recursos financeiros para a extensão rural pública no Orçamento Geral da União (OGU). Esses recursos, já escassos, estão dispersos em diversas fontes da União, o que dificulta ou mesmo inviabiliza a gestão mais racional e adequada às prioridades desses serviços essenciais para o país, seja fortalecendo economias locais e regionais, seja promovendo a segurança alimentar ou atuando em ações para redução das desigualdades sociais.

Um outro processo importante em andamento na Anater são as tratativas para formação de parcerias com escolas e universidades para oferta de cursos de formação acadêmica para extensionistas. A excelência das ações da extensão rural são uma base importante para o desenvolvimento rural sustentável, o que passa pela qualificação e formação de jovens rurais, agricultores e profissionais desses serviços.

Agrônomo, extensionista rural, deputado federal pelo Solidariedade/MG

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários