Minas e o café

Opinião / 13/04/2018 - 06h00

Marcílio de Sousa Magalhães *

No dia 14 de abril comemora-se o Dia Mundial do Café, mas não comemoramos apenas o grão, comemoramos o Brasil e Minas Gerais. O Brasil por ser o maior produtor e exportador mundial de café e o segundo maior consumidor. Minas, porque é o Estado responsável por 60% da produção nacional. Se fosse um país, seria o maior produtor mundial de café.

Em 2017, Minas produziu 30,7 milhões de sacas, sendo que deste total 20,5 milhões foram exportadas, gerando receita bruta de 3,4 bilhões de dólares. A qualidade ganha também reputação, graças ao melhoramento genético, difusão de novas tecnologias, assistência técnica, certificação de propriedades produtoras e a mudança de perfil do produtor. A primeira quebra de paradigma é em relação à sustentabilidade da produção. Através do processo de certificação das propriedades rurais, o cafeicultor mineiro está produzindo de forma mais sustentável. A segunda se dá na percepção, pelos produtores rurais, da importância da boa gestão.

A última quebra de paradigma versa sobre a atuação do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), vinculado à Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (Seapa). Através da certificação das propriedades rurais, a ação punitiva/coercitiva cede espaço à ação negociadora/conciliadora.

Por ser de acesso voluntário, a certificação abre espaços para um ambiente de apoio e diálogo onde os prazos são acordados para a correção das não conformidades constatadas nas auditorias. Ações do Programa Certifica Minas Café, iniciativa do Governo de Minas por meio do IMA, com a colaboração da Emater-MG e da Epamig, beneficiam, anualmente, mais de 1.200 produtores. O programa ganhou nesse Governo grande ação social através da isenção do pagamento de taxas para agricultores familiares, e destacou-se internacionalmente, por intermédio da parceria com a certificadora holandesa UTZ, responsável pela certificação de 38 bilhões de xícaras de café no mundo. Mais do que um programa, o Certifica Minas Café é uma política pública ampla, acessível, moderna e inteligente. 
]*Diretor-geral do Instituto Mineiro de Agropecuária ( IMA )
 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários