Por que Fábio?

Álvaro Damião / 12/09/2017 - 06h00

2018 já está batendo na porta e com ele a dúvida sobre a lista da Copa do Mundo. O técnico Tite, que já está fazendo muito por nossa Seleção, tem a oportunidade de sanar uma das maiores injustiças do futebol brasileiro: a ausência do goleiro Fábio em uma Copa do Mundo. Nós sabemos o quão ingrata é a profissão de goleiro. Muitas vezes são crucificados por falhas e esquecidos nos méritos. Mas não podemos deixar que em mais uma Copa do Mundo, seja feita mais uma injustiça.

Fábio tem 36 anos de idade, sendo que 12 destes anos são dedicados ao Cruzeiro. Hoje, com 734 jogos disputados pela Raposa, é o jogador que mais vezes defendeu o time celeste na história. A última convocação de Fábio para a Seleção Brasileira foi em 2011, quando esteve em Londres, para o amistoso da Seleção contra Gana. E curiosamente, o técnico da seleção era Mano Menezes.

Muito mais que um goleiro, Fábio é uma figura importantíssima para o clube celeste. É um exemplo de atleta e tem um alto poder de influência sobre o elenco. Tudo isso o faz um dos maiores goleiros brasileiros da atualidade. Não é fácil perder uma posição, após uma lesão grave, ser substituído pelo grande goleiro Rafael, e voltar por cima, como Fábio vem fazendo em 2017.

Sim! Sou um defensor do camisa 1 do Cruzeiro na Seleção Brasileira! Não estou dizendo que tenha que ser o goleiro titular. Alisson (Roma), vem cumprindo muito bem o seu papel. Cássio (Corinthians) também é um ótimo reserva! Mas porque Fábio não ocupa a terceira vaga? Por quê?

O terceiro goleiro convocado para uma Copa do Mundo é um jogador que tem plena consciência que, provavelmente, não será utilizado, mas tem seu nome eternizado na história de uma Copa do Mundo.

Estive nas quatro últimas Copas do Mundo e vi Júlio César, Jefferson, Victor, Gomes, Doni, Marcos e Rogério Ceni, realizando o que todo jogador almeja: ter uma camisa de Copa do Mundo escrita com seu nome. Acho que chegou a hora de Fábio ser reconhecido! Na verdade, essa hora já passou. Será mesmo que Fábio não é melhor que o Ederson (Manchester City), convocado para as Eliminatórias? Fica a dúvida.

Precisamos cobrar do técnico Tite! De nada adianta convocar um atleta como Fábio apenas para disputar amistoso. Ele merece uma Copa do Mundo. É inadmissível que a história de Dirceu Lopes se repita. Dirceu participou das Eliminatórias de 1970, com o técnico João Saldanha, mas quando Zagallo assumiu o comando, não foi mais convocado. É isso que queremos para o goleiro do Cruzeiro?

Sei que grande parte da torcida ainda questiona as atuações do Fábio com a camisa do Cruzeiro. Realmente não concordo com esses críticos, mas tenho certeza que todo torcedor, ainda que crítico, reconhece a grandiosidade de Fábio e o quão injustiçado ele é pelos técnicos que já passaram pela Seleção.
Tite, a decisão está em suas mãos! Seja um homem justo!

Tamo junto e até a próxima!

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários