A felicidade está na coerência

Bianca Ladeia / 04/03/2018 - 06h00

Definição de valores e premissas é o ponto de partida para uma vida equilibrada. Todas as nossas metas e a motivação para alcança-las devem ser claras, objetivas e, quando coerentes, inegociáveis.

Quais valores e premissas regem sua vida? O que te fez escolher e permanecer no que faz hoje? Você está feliz ou se contenta em uma zona de conforto sem surpresas?

A definição do estilo de vida que faz bem e que traz dias de paz é fundamental. Fazer análises e provocações é importante para nos fazer pensar e crescer.

Quantas horas por dia você deseja trabalhar? Você precisa de quantos dias livres na semana? Como e com quem você ocupará seus dias livres?
Quais as suas ambições? Quanto deseja ganhar, acumular, usufruir? Como irá usufruir ou investir seus ganhos?

Qual tipo de serviço você costuma “consumir” e experimentar com satisfação? Um serviço que te gere uma experiência, tem valor agregado e custa mais? Ou você prefere serviços mais baratos, práticos e objetivos?

Por exemplo, você prefere ir ao médico do convênio por conveniência e praticidade ou costuma buscar o médico que julga melhor, mais experiente e que tem mais disponibilidade e acesso?

Existem diferentes nichos de mercado e, costumo dizer, que o seu nicho ideal será aquele que tem coerência com o que você costuma comprar e ter percepção de valor agregado. Dessa forma, será mais natural e mais fácil haver empatia com seus clientes e parceiros.

Coerência é uma palavra-chave na busca de uma trajetória equilibrada e ela levará a outro ponto crucial: autoconhecimento.

O caminho do autodescoberta é complexo, mas se inicia em questionamentos simples que nos fará descobrir o que nos move na vida: Qual a viagem dos seus sonhos? Que tipo de música você gosta? Qual é o seu hobby? Com quais pessoas você gosta de conviver? Qual estilo de vestir te valoriza e te faz sentir bem e deslumbrante? O que faz seu coração vibrar e seus olhos brilharem? E ainda: O que não te faz bem? O que te puxa para trás? 

A partir daí se faz necessário definir prioridades e encontrar a missão, visão e valores que irão reger sua caminhada.

Sim, é cíclico! E retomamos ao início da nossa conversa. Rever, revisar e recomeçar serão atitudes frequentes em uma trajetória de sucesso e ascensão. Abrir e fechar ciclos fará parte dessa caminhada contínua.

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários