Canal com o povo

Coluna Esplanada / 10/05/2017 - 12h00

Exausto com as negativas de deputados ‘indecisos’ – e outros que esperam verbas pelo voto –, o Governo decidiu atuar em nova frente na tentativa de aprovar as reformas na Câmara Federal: o apoio popular – ou a menor resistência do povo. Assim, crê que os eleitores não pressionarão tanto os políticos em suas bases. Já começou com as propagandas na TV. Rádios comunitárias serão os próximos canais para tentar reverter os índices. Houve liberação de verbas da Secom para blogs e pequenas emissoras. 

O locatário

José Dirceu negocia com Valdemar da Costa Neto, do PR, o aluguel de uma de suas mansões em Brasília – escolhe entre Lago Sul e Park Way (mais propenso a este).

Saudade da fama

Ignorada nas ruas em Porto Alegre, Dilma Rousseff pediu prioridade no desembarque em Curitiba hoje, para acompanhar o depoimento de Lula da Silva ao juiz Sérgio Moro.

Suprema pressa

O governador afastado do Amazonas, José Melo, reclama que a ministra Rosa Weber autorizou posse ao presidente da Assembleia antes da decisão do TSE sair no D.O.

Recuo no risco

A consultoria Eurasia Group ampliou de 70% para 80% a probabilidade de o plenário da Câmara aprovar em dois turnos o texto da reforma da Previdência. No relatório ao qual a Coluna teve acesso, distribuído para clientes de vários países, a agência aponta que “muitos dos riscos que poderiam comprometer a aprovação da PEC ‘recuaram’”.

Sequestro virtual

Com tanta crise em prefeituras, agora mais essa. O seqüestro virtual. Hackers invadiram o sistema de intranet da prefeitura de Carambeí (PR), bloquearam tudo e pedem R$ 3 mil de resgate. A administração municipal parou.

Verdadeira reforma

Cresce entre entidades civis a grita por reforma urgente do Código Penal. O Brasil tem benesses como ‘saidinha’ de Natal, dia das Mães etc, que botam bandidos nas ruas; o indulto presidencial a ladrões, como os do mensalão, avalizado pelo STF, deu perdão aos mensaleiros do PT. Motoristas bêbados matam no trânsito e ficam livres etc etc

Homem do Pastor

Em audiência na Câmara, o ativista gay Tony Reis topou com o deputado evangélico Sóstenes (DEM-RJ) e vociferou: “Eis o homem do Malafaia.” Risada geral.

Direita volver

Militantes católicos e evangélicos do PSDB se organizam para lançar o Movimento Franco Montoro, em contraposição aos seguimentos mais à esquerda no ninho tucano.

Palanque & platéia

Comandada pelo senador Paulo Paim (PT-RS), a recém-criada CPI da Previdência no Senado transformou-se em palanque para entidades contrárias às mudanças nas regras da aposentadoria proposta pelo Governo Temer.

Metáfora

O coordenador do Dieese, Clóvis Scherer, fez comparação inusitada: “A reforma da Previdência penalizará de maneira mais forte os mais pobres e os de menor renda, ou seja, terá o ‘efeito de Robin Hood ao contrário”.

Cronograma

A CPI pretende concluir os trabalhos no mês de agosto concomitante à discussão do texto da reforma da Previdência em outras comissões do Senado.

Sem bens

Suzana Neves, ex-esposa de Sérgio Cabral, nega que esconda obras de artes ou qualquer outro bem. Seus advogados dizem que já informaram à PF que ela está à disposição para informações sem necessidades de ‘medidas extremas’.

Memória

Em tempo, Suzana está separada de Cabral desde antes de ele tomar posse como governador em 2006.

Ponto Final

“Vivemos a maior crise do Judiciário de todos os tempos. Tão crítico é o momento que o Congresso Nacional está trabalhando o projeto que reforma a Lei de Abuso de Autoridade”.

Do ministro João Otávio de Noronha, Corregedor Nacional de Justiça. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários