Copa no Brasil em 2030

José Roberto Lima / 03/06/2017 - 06h00

José Roberto Lima*

Em 1986 a Copa do Mundo deveria ocorrer no Brasil. Mas, como o governo daquela época não aceitou o protocolo de intenções da FIFA, o evento foi transferido para o México. Foi um caso inusitado, pois 16 anos antes, em 1970, a Copa já tinha sido realizada no mesmo país. Em 2030 algo semelhante deve ocorrer. A Copa do Mundo deve ser realizada no Brasil, 16 anos após a Copa de 2014. 

Posso imaginar o leitor me zoando: “Esse professor entende de concurso, mas não entende nada de futebol. A Copa de 2030 está prevista para o Uruguai, em comemoração ao centenário do primeiro campeonato mundial de seleções. Claro que será no Uruguai. Mas onde fica o Uruguai? Fica logo ali. É “ali” de mineiro, mas é logo ali. 

A FIFA promete fazer um campeonato com 48 seleções. Isso resultará num fluxo de pessoas e de empresas de comunicação nunca antes visto no país vizinho. Os turistas aproveitarão para conhecer Brasília, a Cidade Maravilhosa, talvez Salvador e, claro,  a nossa querida Belo Horizonte. Algo semelhante ocorrerá nas principais cidades da Argentina. 
E você, leitor? Está disposto a viajar até o Uruguai para a Copa de 2030? É logo ali. De BH até Montevidéu são apenas 2.516 km.

E quanto aos concursos? Saiba que muitos candidatos viajam distâncias maiores que esta para fazer uma prova. E vários deixam para trás os melhores amigos para iniciar uma carreira pública. É por isso que existem, por exemplo, promotores mato-grossenses no Pará, delegados paulistas no Amazonas e juizes mineiros em todos os cantos do Brasil.

Desse modo, a Copa no Uruguai, que será praticamente uma nova Copa no Brasil, permite, desde já, fazer algumas perguntas ao leitor: quais as conquistas que você pretende obter quando 2030 chegar? Você se imagina exercendo um cargo público de prestígio? Então, siga firme nos estudos.

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários