Educação: maior riqueza da nação

Professor Wendel / 10/07/2017 - 12h46

Sabemos que a educação é o princípio na formação da cidadania, do ser humano em todo seu contexto, de suas ideias, de suas ações e caráter. A educação é a mola mestra de toda engrenagem da vida, é a fonte que alimenta cada mente humana.
A educação é fundamental para a transformação de uma Nação. Os países que não valorizam a educação apresentam economia frágil, os rendimentos são inferiores e refletem em segmentos, como habitação, saúde, qualidade e expectativa de vida. Portanto, o Brasil precisa ampliar o investimento em educação, porque as estatísticas são preocupantes.

Segundo dados divulgados pelo IBGE, no ano passado, o Brasil possuía cerca de 13 milhões de analfabetos. Brasileiros que não sabem ler, escrever e muitos mal conhecem o significado das palavras. Este índice levou a Unesco a classificar nosso país como a 8º maior população de analfabetos no mundo. Segundo a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico, o Brasil está entre os dez países que têm mais alunos com baixo rendimento escolar em matemática, leitura e ciências. 

Para a Unesco, a educação é essencial para a dignidade e os direitos humanos e é uma força para o empoderamento. Se queremos que os brasileiros ampliem seu patamar de consciência e participação cidadã devemos derrubar os índices acima. Precisamos alcançar o nível de educação desenvolvida por Paulo Freire, que pensou a importância de um processo educativo que impulsione os sujeitos a uma posição de tomada de consciência, em especial numa alfabetização que os leve ao estado de criticidade.

Sendo a educação um pilar tão importante para uma Nação, acreditamos que as reformas no Brasil só vão acontecer a partir dela. E nós, políticos, temos que trabalhar constantemente para garantir uma educação de qualidade em todos os aspectos. E cada um de nós, tem que se movimentar neste sentido. Apresentei o Projeto de Lei 1.803/15, que recentemente recebeu votação favorável em 2º turno. O PL determina a implantação de assistência psicopedagógica aos alunos nas instituições de educação infantil e ensino fundamental da rede municipal com o objetivo de diagnosticar, intervir e prevenir problemas de aprendizagem. Melhorando a qualidade da educação, estaremos formando um importante capital humano, que será a principal fonte de riqueza da Nação. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Comentários