Dar um tapa no visual, organizar as finanças, pôr o trabalho em dia e, por quê não, reformar a casa. Ano novo é tempo de renovação, momento perfeito para mudar a cara do lar. Até mesmo se for alugado! É só fazer escolhas inteligentes, que não modifiquem tanto a estrutura original do imóvel, e priorizar objetos decorativos, que fazem toda diferença no resultado. 

Que tal começar pela cor das paredes? Hoje há inúmeras soluções de tintas que fazem pouca sujeira, não têm cheiro forte, secam rapidamente e são fáceis de aplicar. Dá para demarcar o espaço com uma faixa de madeira ou até mesmo com uma fita adesiva e utilizar duas cores – em cada metade – para dar um charme especial ao cômodo.

Para quem quer evitar trabalho ou economizar na contratação de um profissional, a saída são os papeis de parede e os adesivos. Práticos, modernos e versáteis, eles podem ser comprados em lojas de decoração ou pela internet e aplicados pelo próprio morador. 

“Tem muito adesivo bacana e super barato. É só destacar e colar na parede ou no azulejo, assim como adesivo de caderno”, detalha a designer de interiores Melina Mundim. 

Segundo ela, na hora da remoção, o acessório, que pode ser utilizado até nos banheiros e na cozinha, sobre azulejo ou cerâmica, também não danifica a parede. 

Ganchos adesivos são ótimos substitutos de pregos na hora de afixar quadros: eliminam o uso da furadeira e evitam buracos desnecessários na parede

Tamanhos menores

Se 2018 vier com casa ou apartamento novo é interessante planejar a escolha dos móveis antes de mais nada. O ideal é optar por um mobiliário menor, mesmo que não ocupe todo o espaço onde será colocado. Para sofás, a medida de 2 metros é padrão é sempre cabe em qualquer sala, ensina Melina.

Conjugar um acessório de dois lugares com poltronas e cadeiras é outra estratégia inteligente que faz o dono da casa economizar dinheiro e se prevenir, caso mude para um espaço menor. Segundo a arquiteta e designer de interiores Carmen Calixto é melhor evitar os jogos de sofá.

“Se a pessoa tem uma sala comprida e compra um sofá enorme, dificilmente aproveitará em outro imóvel, pois não vai encontrar um espaço com layout tão similar. Evitar peças grandes e conjuntos é o ideal”, alerta. 

Na hora de iluminar, vale apostar nos plafons, luminárias de embutir (no caso de teto de gesso) ou de sobrepor, encontradas em formato redondo ou quadrado e fáceis de instalar. “Eles dão um bom diferencial na decoração e, depois, dá para levar junto na mudança”, orienta a arquiteta. Luminárias de pé ou de mesa também são uma ótima escolha, já que dispensam o quebra-quebra das obras. 

Veja outra dicas:

 

Decoração de imóveis alugados_papel de parede e adesivo

PAPEL DE PAREDE E ADESIVOS
Não quer mexer com tinta? Invista nos papéis de parede e nos adesivos, que são práticos e podem ser usados em qualquer espaço. O primeiro é indicado para as áreas secas da casa – quartos e salas –, o segundo pode ser aplicado até sobre as cerâmicas e azulejos de cozinha e banheiro. Baratos e práticos, dispensam mão de obra especializada!

Decoração de imóveis alugados_mobiliário solto

MÁXIMO APROVEITAMENTO
Não tem armário planejado? Problema nenhum! Invista em um mobiliário solto (à direita), que possa acompanhar a próxima mudança de casa e se ajustar com facilidade em espaços menores ou maiores. Na área de serviço, use a criatividade. Alternativa barata e fácil de executar são os painéis gradeados para pendurar produtos de limpeza e demais acessórios

Decoração de imóveis alugados_quadros

QUADROS
Assim como as almofadas, eles nunca saem de moda e dão conta de modificar a cara de qualquer espaço, seja ele de que estilo for. Eles podem ser úteis até para esconder imperfeições nas paredes e o melhor: podem ser fixados com ganchos adesivos

Decoração de imóveis alugados_pisos

PISO
Modernos, resistentes a água e práticos, pisos vinílicos podem ser assentados sobre o revestimento antigo e removidos quando necessário sem necessidade de grandes investimentos ou de mão de obra especializada. Duráveis, são encontrados em diferentes padrões, estampas e texturas, opção para quem quer esconder uma imperfeição no piso original ou simplesmente deseja repaginar a casa nova

Decoração de imóveis alugados_móveis pequenos

DIMENSÕES REDUZIDAS
Vale a pena apostar em móveis menores, que se adaptam com mais facilidades a diferentes tamanhos de cômodos. Prefira sofás de dois lugares e, se preciso, complemente com banquinhos ou poltronas

Decoração para imóveis alugados_tapete e cortina

TAPETES E CORTINAS
Acessórios-curinga eles fazem toda a diferença tanto para criar ambiência nos espaços quanto para dar personalidade ou até esconder o que não é tão bonito assim. Experimente um tapete bonito para “camuflar” o piso já gasto e uma cortina de tecido fino para cobrir a janela velha!

Além Disso

Uma das cláusulas dos contratos de locação diz que o inquilino deve entregar o imóvel alugado da mesma forma como recebeu. É importante, portanto, ficar atento às condições gerais da casa ou apartamento, observando a pintura das paredes, o revestimento do piso, possíveis itens danificados, como portas e janelas, e até se há furos de pregos usados para pendurar quadros.

Quem não quiser ter dor de cabeça na hora da entrega, evitando gastos com reformas, deve abrir mão de grandes mudanças. O ideal é apostar na decoração.

“Acho que vale muito a pena ter um móvel de design assinado, como uma poltrona ou uma cadeira. Eles serão sempre úteis e vão bem em qualquer estilo de ambiente. Melhor do que levar para casa uma peça escolhida pelo preço, mas que terá pouca durabilidade”, frisa a designer de interiores Melina Mundim.

A arquiteta e designer de interiores Carmen Calixto compartilha da mesma opinião. Para ela, é mais interessante investir em móveis legais, de tamanhos menores, inclusive, do que economizar com peças pouco versáteis, que podem não combinar com um próximo imóvel. “Recomendo sempre pensar no reaproveitamento. O segredo é fazer escolhas inteligentes”, completa.