#PostHD Conteúdo Patrocinado

Há cinco anos, o arquiteto Lucas Godinho engavetou o diploma para se dedicar a um hobby: fazer cerveja em casa. De lá para cá, muita coisa mudou. O que era passatempo virou coisa séria. Mais que isso, um negócio, a Cervejaria Capa Preta. Este ano, quando celebra meia década, a artesanal de Nova Lima, na Grande BH, comemora também um dos grandes feitos da curta história. Daqui a uma semana, inaugura a primeira tap house, na capital carioca.

A casa, uma espécie de minitemplo cervejeiro, elegeu a Barra da Tijuca como endereço e será uma prévia do que brindará os belo-horizontinos também, no começo de 2018. Em Nova Lima, a fábrica da cervejaria ganhará um vizinho de peso, o segundo bar da marca.

“A tap house do Rio vai funcionar como um protótipo, uma loja-conceito, nos mesmos moldes do que vamos aplicar aqui”, adianta Lucas, que é também um dos mestres-cervejeiros da Capa Preta.

No Rio de Janeiro, quem aprecia uma autêntica cerveja artesanal poderá harmonizar os nove rótulos com petiscos genuinamente mineiros. Além das iniciais oito torneiras de chope, a casa oferecerá souvenirs da cervejaria, cuja marca registrada é a silhueta de um pastor alemão (capa preta). 

Mais uma

Nona receita da nova-limense, a barley wine ou vinho de cevada, na tradução literal e como é conhecido o estilo, passa a integrar a família mineira no mesmo dia da inauguração do empreendimento carioca. Mais encorpada, é um prato cheio para quem gosta de degustar.

“É um rótulo muito especial, que acaba gerando uma relação muito parecida com a de quem gosta de vinho”, comenta o empresário, acrescentando que a cerveja, maturada em barril de carvalho por seis meses, levou dois anos para ficar pronta. 

Outra recém-lançada é a Euphoria Juice IPA, uma northeast IPA, que leva malte de cevada, aveia, lúpulo e levedura. Mais forte, tem aroma de frutas tropicais, 7% de teor alcoólico e deixa sensação aveludada na boca. 

Completam o time outras sete, dentre elas quatro premiadas este ano: Tropical Blonde e English Pale Ale, bronze e ouro, respectivamente, no Concurso Brasileiro de Cervejas, em Blumenau, tendo a segunda levado ainda o Country Winner na World Beer Awards, em Londres. No mesmo concurso, Melon Collie IPA e Porter Berry, faturaram o outro pelo Brasil.

Serviço:
Cervejaria Capa Preta
Fábrica – Rua Projetada, 185 – Jardim Canadá – Nova Lima/MG
Tel.: (31) 3665-9104
Capa Preta Tap House Barra – Av. das Américas, 7.700 – Barra da Tijuca – Rio de Janeiro/RJ
Tel.: (21) 3497-5268
Beer Truck:
BH – (31) 99550-1811
RJ – (21) 96500-2745
comercial@capapreta.com.br
Facebook.com/cervejariacapapreta
Instagram.com/capa_preta

Leia mais na coluna de Rafael Reis, da Escola Experimente

Capa Preta Euphoria Juice: explosão de aromas tropicais e cítricos