Para as gestantes modernas, não basta a “boa hora do parto”. Sair na foto ao lado do bebê tão esperado descabelada e inchada demais, nem pensar! Quanto mais planejamento e facilidades para garantir gestação prazerosa do início ao fim, melhor. Atentas a isso, maternidades no interior e na capital deixaram de ser simplesmente hospitais. São quase um spa, para a alegria das mamães. 

O Instituto Nascer, clínica em BH, oferece massagem, drenagem linfática, terapia com pedras quentes e detox corporal – para manter a boa forma nos nove meses – e cinegrafista para filmar o parto no local escolhido pela mulher para dar à luz.

Os ensaios fotográficos newborn são feitos à parte por uma profissional parceira da clínica. Além de clicar os primeiros dias do recém-nascido, ela registra o primeiro encontro entre mãe e bebê. 

Pacientes que contratam um dos pacotes da clínica – com pré-natal, consulta pós-parto e doula – ganham 10% de bônus para usufruir dos demais serviços oferecidos. 

Diretora científica do Instituto, a ginecologista e obstetra Quésia Villamil diz que a ideia é atender os anseios da mulher que planeja a maternidade e quer curtir cada segundo da gestação. “Elas não querem só parir e levar o bebê para casa. Querem se sentir bonitas e bem cuidadas”. 

Inspiração 

Alguns dos serviços foram inspirados no modelo público do Sofia Feldman, também em BH, maior maternidade do país em número de partos. Lá, gestantes com problemas metabólicos, por exemplo, têm academia à disposição, além de acompanhamento profissional para direcionar a atividade física. 

Para as que estão prestes a dar à luz, auriculoterapia, acupuntura, massagens e escalda pés. Tudo para tranquilizar a gestante e facilitar o parto, diz o obstetra Edson Borges de Souza, coordenador da residência médica do Sofia. 

Mulheres cujos bebês já nasceram, mas que por algum motivo ainda precisam permanecer no hospital, também podem se beneficiar de um salão de beleza, onde o atendimento é feito por voluntárias. Tudo de graça. 

 

Serviços completos oferecidos por maternidades e hospitais

Referência nacional, Sofia Feldman tem até academia gratuita para as gestantes

Grupo reúne mães para partilhar a vida do pós-parto

Criado pela coordenadora do setor de psicologia do Instituto Nascer, Daniela Bittar, o grupo Bem Crescer Pós-Parto é outra ferramenta complementar de apoio a mães que acabaram de dar à luz. O objetivo das reuniões, realizadas semanalmente na sede da instituição, no bairro Serra, Zona Sul de BH, é reunir puérperas para compartilhar as experiências da vida pós-parto. 

Abertas a qualquer mulher com bebês de 15 dias de vida a 1 ano de idade, independentemente de terem ou não tido as crias no instituto, as reuniões promovem trocas de experiências sobre a vida depois do parto, as mudanças ocasionadas pela chegada do filho e o lugar comum onde se encontram as parturientes. 

“É um local para que as mulheres compareçam com seus filhos e troquem experiências sobre as dores que sentem, as desconstruções de si mesmas trazidas pela maternidade e todas as demais questões que envolvem este momento”, reforça a psicóloga.

Para ela, que é criadora também do Gamas (Grupo de Apoio às Mulheres e Mães), outro círculo que se reúne em Belo Horizonte para debater a maternidade, a principal mensagem do Bem Crescer Pós-Parto é de criação de empatia e não julgamento. 

“A ideia é mostrar que todas se sentem da mesma maneira e enfrentam os mesmos conflitos e dilemas. Queremos criar sensação de pertencimento por meio do compartilhar”.

Serviços completos oferecidos por maternidades e hospitaisGrupo criado por psicóloga do Instituto Nascer, em BH, promove rodas de conversa sobre maternidade

Mamãe e bebê têm atenção diferenciada no Norte de Minas

Gestantes da região Norte de Minas têm na maternidade do Hospital das Clínicas Dr. Mário Ribeiro, em Montes Claros, todas as facilidades disponíveis para gravidez, parto e pós-parto tranquilos. A moderna unidade de saúde oferece atendimento completo voltado para o bem-estar de mãe e filho. 

Os recém-nascidos já deixam o local com certidão de nascimento e CPF emitidos. Assim os pais não precisa mais se deslocar a um cartório para expedir o documento social da criança.

Além disso, todos os bebês que chegam ao mundo na maternidade do Mário Ribeiro são submetidos aos testes da orelhinha, do coraçãozinho e olhinho, e recebem, quando necessário, tratamentos complementares de fototerapia, imunizações e até acolhimento em berços aquecidos.

Os atendimentos são estendidos a todos os pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) e os cobertos por convênios médicos. 

Coordenador do setor de Ginecologia e Obstetrícia do hospital, Huberth Caldeira compara a instituição a uma espécie de hospedagem. “Quando hospedamos uma pessoa, oferecemos a melhor roupa de cama, a melhor toalha, a melhor comida. É isso o que buscamos nas relações e no cuidado com as pacientes: uma assistência completa e respeitosa”. 

Serviços completos oferecidos por maternidades e hospitais

Em Montes Claros, atendimento por esteticistas é feito logo após o parto

Tratamento de spa

Gestantes e puérperas também têm a chance de se sentir bem e bonitas do pré ao pós-parto, mesmo longe de casa. De segunda a quinta-feira, a maternidade oferece atendimentos estéticos, como spa de mãos e pés, limpeza e hidratação de pele, drenagem linfática, penteados e massagens relaxantes. Além das pacientes, acompanhantes têm direito aos serviços, que dispensam agendamento. 

Mãe de Matheus, que nasceu há 2 meses, Alessandra Cardoso, de 36 anos, é só alegria ao comentar o tratamento que recebeu após dar à luz. “Minha pele estava cansada e as esteticistas fizeram uma limpeza maravilhosa. Estou me sentindo muito melhor. Achei tudo maravilhoso”.

As gestantes também podem passar por avaliação nutricional gratuita e receber consultoria sobre amamentação, com dicas sobre as melhores posições para colocar o bebê no peito e os principais cuidados com o recém-nascido ao chegar em casa. 

Além disso:

A Maternidade dos Hospital das Clínicas dr. Mário Ribeiro, em Montes Claros, também disponibiliza consultas com acadêmicos de psicologia da Funorte. O serviço é exclusivo para mães que tenham sido orientadas por médicos e encaminhadas para o tratamento psicológico. O atendimento é gratuito para as pacientes do SUS.

A instituição ainda faz cadastramento de doulas, mulheres que orientam e assistem às parturientes durante o parto e nos primeiros cuidados com o bebê. O objetivo, reforça o coordenador do setor de Ginecologia e Obstetrícia do Mário Ribeiro, Huberth Caldeira, é estreitar o vínculo entre profissionais, mães e bebês. 

“Não pode existir abismo entre profissional de saúde e usuário, tampouco entre mãe e filho. Procuramos abrir todas as janelas para que a comunicação e os desejos da mulher possam fluir da maneira como ela deseja”, explica. 

Na maternidade, mulheres com gestação a partir de 28 semanas também têm direito a um curso prático de cuidados com o recém-nascido e sobre aleitamento materno. Os conhecimentos são, inclusive, extensivos ao pai da criança.

Serviços completos oferecidos por maternidades e hospitais

"Pacote" na maternidade do Hospital das clínicas de Montes Claros inclui penteado e massagens

Leia mais:

Mães (im)perfeitas: a maternidade real não é cor-de-rosa, mas deve ser feliz