O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, anunciou neste domingo que cancelou uma viagem a Portugal, para liderar as investigações do atentado em um shopping de Bogotá, que deixou três mortos, mas assinalou que irá manter a visita a França.


"Tomei a decisão de cancelar minha viagem a Lisboa para estar à frente destas investigações nestes três dias cruciais", disse o presidente após uma reunião com os comandos da força pública. Mas confirmou que irá viajar a Paris para se reunir com o colega francês, Emmanuel Macron, na próxima terça-feira.