Chefs confeiteiros e palestrantes renomados vão compartilhar conhecimentos com centenas de pessoas que já empreendem ou sonham em ter o próprio negócio na área da confeitaria. É para este público que será promovida a 1ª Feira e Congresso de Confeitaria de Minas Gerais – Confeitar Minas 2017, hoje e amanhã, no Ouro Minas Palace Hotel, uma realização do Empreendendo no Lar Doce Lar.

O objetivo do evento é apresentar novidades e tendências do mercado para que os participantes possam se destacar entre a concorrência, alavancar as vendas, aperfeiçoar ou iniciar um negócio.
O custo para participar do evento é R$ 10 por dia, por pessoa, com direito a visitar a feira e os estandes, assistir aulas e demonstrações, além de ter acesso a palestras e workshops nas salas do hotel.

Capacitação

A programação também inclui aulas e workshops avançados, cujo pagamento é à parte. A expectativa da organização da Confeitar Minas 2017 é a de receber mil pessoas por dia, de todas as regiões de Minas e também de outros estados. O evento vai promover capacitação qualificada, contato com grandes nomes do cenário gastronômico nacional, troca de experiências e relacionamento com as principais indústrias do ramo confeiteiro.

A responsável pela organização do encontro é a confeiteira mineira Danielle Neves, conhecida como Dani Formigueiro, cuja empresa do mesmo nome produz pão-de-mel, trufas, bombons, tortas e sobremesas. Ela também é a idealizadora do grupo “Empreendendo no Lar Doce Lar”.

 

“As pessoas perdem o emprego e não sabem o que fazer. Orientamos sobre como gerar renda com a confeitaria.
No nosso grupo é uma ajudando a outra”

Danielle Neves, organizadora da feira

 

O patrocínio é da Decisão Atacarejo e o evento tem apoio do Sebrae-MG  e das empresas Kenwood, Mago e BMW, entre outras.
“Estamos na contramão da crise. É possível as mulheres empreenderem em sua própria casa, transformar a sua cozinha em uma empresa, fazer produtos de qualidade, vender e gerar renda”, diz a confeiteira Dani Formigueiro.


Grupo no Facebook que divide dicas e receitas já conta com mais de 250 mil participantes

A trajetória de Danielle Neves no ramo de confeitaria começou em 2001 quando ela deixou o emprego em uma grande cadeia varejista. Como sempre quis ter o próprio negócio, Dani Formigueiro, como é conhecida, começou a fazer e comercializar cestas de café da manhã.

O empreendimento foi crescendo e ela também passou a dar aulas de como fazer bombons, trufas e pão-de-mel. “Tudo em torno do chocolate, minhas especialidade”, diz.

Com o acirramento da crise econômica e o aumento do desemprego, Dani começou a compartilhar receitas em redes sociais. “É uma forma de ensinar as pessoas que a confeitaria é uma excelente oportunidade de geração de renda”, afirma. Formada em Administração e Marketing, com pós-graduação em Gestão de Relacionamento com Clientes, Dani Formigueiro também organizou um grupo no Facebook em que ensina, em vídeos, receitas, técnicas de vendas e dicas de Marketing.

Na primeira semana já estávamos com quase 100 pessoas. O que eu não poderia imaginar era a proporção que essa simples ação tomaria. Hoje somos mais de 250 mil pessoas de todo Brasil e mais quatro países”, conta Danielle. O grupo conta com participantes em Angola, Portugal, Moçambique e EUA. “Conheço pessoas que começaram em casa e já estão abrindo confeitarias”, orgulha-se.

 

Serviço:
1ª Feira e Congresso de Confeitaria de Minas - Confeitar Minas 2017
Congresso:
Data: 21 e 22 de outubro de 2017
Horário: 9h às 19h
Classificação: 14 anos
Local: Ouro Minas Palace Hotel - Avenida Cristiano Machado, 4001
Inscrições e informações:  (31) 98501 4350 /3318-2939
Feira:
Hoje, de 13h às 20h
Amanhã, de 11h às 19h