O ministro das Relações Exteriores, José Serra, disse nesta quarta-feira, 9, esperar que a vitória do republicano Donald Trump não implique em aumento do protecionismo. "Espero que não aconteça. De verdade", disse ele. Citando a máxima do meia Didi, ele comentou que "treino é treino, jogo é jogo. Treino é campanha. O jogo começa agora." E disse esperar que "o jogo seja melhor do que o treino".

Questionado sobre a afirmação feita em meados do ano, em que considerou a hipótese de vitória de Trump um "pesadelo", Serra brincou. "Estive acordado a noite inteira. Só se tem pesadelo dormindo." Depois, mais sério, ele disse que cumpre ao governo "olhar os interesses do País" a partir do resultado da eleição. "E fazer votos a que se saia bem."