Na semana passada o leitor do caderno conferiu que a Rolls-Royce preparava uma exposição de modelos lendários em Londres para dar as boas vindas à oitava geração de seu sedã Phantom (a primeira foi lançada no longínquo 1925). Pois a novidade chegou com a missão de manter a fama de “melhor carro do mundo” ganha nos primórdios. O gigante que servirá a reis, rainhas e bilionários afins é o primeiro a contar com a plataforma modular em alumínio “Arquitetura de luxo”, que dará origem ainda ao SUV Cullinan e aos novos Wraith, Dawn e Ghost. E a engenharia britânica trabalhou para fazer dele também o carro mais silencioso de produção, com técnicas de isolamento acústico inéditas. Sob o capô, o V12 de 6.450cc garante 563 abundantes cavalos. No interior, materiais de primeiríssima e mimos como um decanter de vinho e taças de champanhe, que requinte, para quem pode, nunca é demais.

Edição final, só que não...

Não é mais segredo que a Ducati vai aposentar a arquitetura de dois cilindros em V para sua principal esportiva, a Panigale 1299, que ganhará um motor V4 inspirado na máquina vermelha da Moto GP. Antes disso, no entanto, o bicilíndrico se despede em grande estilo. A casa italiana preparou uma “Final edition” da máquina, com 209cv de potência, distribuídos em esguios 179kg, graças ao uso e abuso de materiais nobres. Lá, cada exemplar numerado sai por cerca de R$ 145 mil.

Ducati

 

Nissan faz megarecall de airbags da takata

A Nissan é mais uma montadora a chamar proprietários às concessionárias para a substituição de componentes dos airbags da também japonesa Takata, ligados a mais de uma centena de mortes em todo o mundo. Estão envolvidas 80.378 unidades dos modelos Tiida, Tiida Sedan, Frontier (foto), Livina, Grand Livina e Livina X-Gear – os três primeiros produzidos entre 2007 e 2014 e os demais entre 2012 e 2014. Numerações dos chassis e procedimentos para o reparo podem ser encontrados no www.nissan.com.br