Tornar as residências inteligentes a preços acessíveis. Essa é a proposta da Hedro, startup nascida na pequena Entre Rios, a 150 quilômetros da capital. A empresa, que desenvolveu tecnologia para ligar e desligar aparelhos e lâmpadas pelo celular, aposta em financiamento coletivo para lançar a novidade no mercado.

Segundo Cássio Barbosa, fundador da Hedro, a automação residencial era uma tecnologia muito cara há três anos. Mas hoje já é possível montar os mesmos sistemas que revolucionaram esse mercado com custos até 90% mais baixos, tornando o produto acessível.

O sistema criado pela empresa funciona através de um módulo central que, conectado a um aplicativo no celular (iOS ou Android) e a um roteador comum, comanda todos os outros módulos. A instalação do kit é simples. Basta baixar o aplicativo no celular e seguir as instruções indicadas.

“Muitos componentes são comprados da China e são valores bem populares. Todo o sistema de automação foi inspirado nos smartphones, para ser atualizado automaticamente, tornando o produto sempre moderno”, diz.

Com investimentos apenas da mão de obra e do desenvolvimento da tecnologia, o fundador da Hedro agora depende de recursos para lançar a plataforma no mercado. A expectativa é alcançar R$ 130 mil através de financiamento coletivo.

“Queríamos democratizar o sistema e fazer com que várias pessoas pudessem se beneficiar da tecnologia. Nossos primeiros investidores terão direito, inclusive, a atendimento personalizado na instalação e manutenção por tempo integral”, afirma Barbosa.

Inicialmente, a Hedro pretende comercializar os módulos de iluminação inteligente com relatórios de consumo de alguns aparelhos, como televisão e geladeira. O preço do módulo central, que comanda todos os dispositivos, será em torno de R$180.

Para cada tomada que o consumidor quiser ligar e desligar por meio do celular será necessário comprar outros módulos, com preço médio entre R$90 e R$130. “Esse é o preço máximo. Esperamos baixar ainda mais”, diz Barbosa.

 

Kit para casas inteligentes


KIT – Sistema funciona através de um módulo central que, conectado ao celular e a um roteador comum, comanda todos os outros módulos